Partilhar:

Quando falamos de menopausa, o mais frequente é abordar sintomas físicos, como os afrontamentos ou a insónia. A psicologia e a saúde mental das mulheres nesta fase não parece ser um tema prioritário. Pois é hora disso começar a mudar e falar das consequências psicológicas da menopausa.

Quais as consequências psicológicas da menopausa?

O bem estar anímico e a estabilidade emocional são aspetos fundamentais para a saúde física e mental das mulheres que estão a atravessar esta época de transição.

Infelizmente, ainda há muitos tabus acerca dos transtornos mentais e também muitos tópicos acerca das mulheres na menopausa e das consequências psicológicas da menopausa.

Isso impede que as mulheres desenvolvam livremente e exponham os seus sentimentos, inseguranças e preferências de maneira natural.

Por isso neste artigo queremos derrubar barreiras e outras ideias nocivas para que você mesma seja consciente de em que momento se encontra e como enfrentá-lo sem medos nem obstáculos.

Por isso falaremos acerca de três consequências psicológicas da menopausa que podem estar a afetar a sua vida, o seu desenvolvimento pessoal e as suas relações. Vamos lá:

relaxamento mental na menopausa

As mudanças hormonais afetam a sua estabilidade emocional

Como já sabe, na menopausa as mudanças hormonais podem provocar estados de humor complexos como a irritablidade ou a hipersensibilidade, consequências psicológicas da menopausa. Além disso, a insónia pode provocar fatiga e que tenha pouca vontade de fazer nada. 

Seguramente ao longo da sua vida já teve oscilações emocionais devido às hormonas do período, da gravidez, do pós-parto, etc. E mesmo que não acredite, isso é uma vantagem porque lhe ajuda a detetar de onde provém o mau humor ou a hipersensibilidade. E assim pode verbalizá-lo ou tomar as medidas necessárias para se sentir melhor.

Como? Se de repente sente irritabilidade ou uma enorme vontade em chorar, busque um momento para si, em que possa estar só, respirar profundamente e ser consciente do que está a acontecer consigo nesse momento. Ver as coisas com perspetiva e auto consciência dá-lhe uma visão distinta e mais completa de como está e pode auto ajudar-se a sentir melhor.

autoestima na menopausa

Com a autoestima em baixos mínimos

Ainda que já saibamos que a menopausa como tal não engorda diretamente, coincide com uma época em que o corpo começa a sofrer alterações importantes. Ganhar peso ou as mudanças no cabelo ou na pel, podem afetar a forma como se vê ou como acredita que as pessoas a vêm.

Isto favorece que em determinados casos apareçam patologias como ansiedade, depressão conflitos internos como os questionamentos da própria identidade ou baixa autoestima e outras consequências psicológicas da menopausa. Além da percepção que tenha de si mesma, pode afetar as suas relações conjugais, familiares, amistosas ou laborais.

E ainda que as mudanças físicas sejam inevitáveis, deve saber que na sua mão tem a chave para se sentir melhor. A sua alimentação afeta muito mais do que pensa no seu estado de humor, no seu peso, no seu cabelo e na sua pele. .

Artigo -> Como passar uma menopausa mais relaxada graças à sua alimentação

E se adicionar ecercício físico, encontrar-se-á melhor não só fisicamente como também mentalmente. Ao ativar o seu corpo, pode colocar em marcha partes do seu cérebro que lhe ajudarão a estar mais animada, com mais energia e a sentir-se com um melhor humor.

Artigo -> 7 conselhos para seguir tendo um cabelo radiante na menopausa

E além de se colocar em ação para se sentir melhor, também é importante que faça uma reflexão profunda. Assim poderá entender que caminha para uma etapa nova que não é pior, simplesmente diferente das anteriores. E aceitar e abraçar essas mudanças como uma novidade positiva que pode trazer-lhe muitas coisas positivas.

consequências psicológicas da menopausa

‘O inferno são os outros’

Esta citação do filósofo francês Jean Paul Sartre vem certa para descrever como se sentem muitas mulheres… e não somente pelos afrontamentos.

São muitas as seguidoras do Facebook que nos contam que só encontram incompreensão e caras más ao seu redor.E você bem sabe que este momento é quando necessita mais de ser escutada e aceite. Por isso, sentir que está sozinha precisamente agora pode agravar a sua ansiedade, o stress e a depressão.

A menopausa e outras etapas e doenças femininas foram silenciadas e maltratadas ao longo da história. Sempre se entendeu que as mulheres sofrem de dores na menstruação, na gravidez, nos partos e….. na menopausa.

Do lado de fora parece que não faz muito sentido que fique com raiva, que esteja triste ou que se queixe de fadiga ou de ondas de calor. Supõe-se que o que acontece consigo é o natural.

Então, o que fazemos? Se ao seu redor houver pessoas que a amam, elas vão querer que fique bem, mesmo que seja difícil para elas entenderem o que está a acontecer consigo. É importante que fale com eles, explique o processo pelo qual está a passar e como issolhe afeta física e mentalmente.

 

Quse sempre, se você aplicar a psicologia, poderá seguir em frente em situações que parecem estar encalhadas. Um pouco de comunicação num ambiente agradável pode causar mudanças muito positivas nos relacionamentos interpessoais.

Expresse o que sente com franqueza e clareza. Verá que este inferno está gradualmente a tornar-se mais gentil e compreensivo.

Marca-ClimaFort-insignia
Para combater os afrontamentos, pode sempre acompanhar-se de uma boa ventoinha, tomar banhos frios ou procurar um alívio inteligente e natural como o ClimaFort.

O ClimaFort é um suplemento em cápsulas que ajuda a equilibrar os níveis baixos de estrogénio causados ​​pela menopausa.

A fórmula única do ClimaFort inclui extrato seco de lúpulo e mais de 10 vitaminas e minerais especialmente benéficos neste momento vital contribuindo para a manutenção dos ossos, pele, cabelos e mucosas.

Além disso, o ClimaFort ajuda-a a descansar melhor à noite, a sentir-se melhor e com mais energia.

 

Precisa obter mais informações sobre as consequências psicológicas da menopausa? Consulte as opiniões reais de raparigas que experimentaram ClimaFort, pode vê-las aqui:

Onde posso encontrar ClimaFort®?

Nas farmácias

Solicite-o com o código nacional: 
C.N.P. 6283275

Também pode interessar-lhe...

Siga-nos no Facebook

Partilhar: