Covid-19: conselhos para um isolamento menos penoso

 

Frente à ameaça global do Covid-19, todas as nossas autoridades de saúde aconselham (e nalguns países até já é obrigatório) a que nos mantenhamos em isolamento, evitando o mais possível todo e qualquer contacto social, saindo de casa apenas em situações de extrema necessidade.

 

lavar as maos covid

Recomendações para travar o Covid-19

Entre as recomendações da Direção-Geral da Saúde, inclui-se a necessidade de:

  • lavar as mãos com frequência, com água e sabão, durante aproximadamente 20 segundos;
  • desinfetar as superfícies nas quais tocas com regularidade;
  • evitar partilhar objetos pessoais;
  • adotar medidas de etiqueta respiratória, tossindo e espirrando para o antebraço e usando lenços de papel de utilização única;
  • evitar tocar na cara;
  • manter-se em recolhimento.

Aliás, esta última recomendação – o isolamento social – é absolutamente essencial para conter a propagação do vírus e, assim, dar tempo a que os serviços de saúde giram melhor o surto.

 

ansiedade por coronavirus

Ansiedade por isolamento social?

Assim sendo, se estás a cumprir esta responsabilidade cívica, é possível que te confrontes com períodos de ansiedade, nervosismo ou mesmo irritabilidade.

Afinal, a constante presença do tema nos meios de comunicação social, apesar de crucial, pode ser assoberbante. Sobretudo estando confinado ao espaço da casa – e, eventualmente, sozinho.

Nesse cenário, é importante seguir algumas recomendações que são particularmente úteis para manter a calma e para conseguir ultrapassar estes dias de isolamento da melhor forma possível.

 

isolamento voluntario

Conselhos para quem está em isolamento voluntário

Não estando infetado pelo Covid-19, mas estando em isolamento profilático (quarentena) ou isolamento voluntário, quer se esteja em regime de teletrabalho quer não, é provável que surjam dificuldades em gerir o tempo e as sensações em face da situação que, hoje, assola todo o mundo.

Isso é perfeitamente natural.

Por isso, aconselhamos que todos:

  • evitem alimentar pensamentos negativos, sobretudo pensamentos relativos à pandemia de Covid-19;
  • partilhem os seus sentimentos com um amigo ou familiar em quem confiem, mas sempre por telefone ou através de uma videochamada;
  • tenham uma utilização consciente das redes sociais e não estejam constantemente a ver notícias sobre o tema, evitando adensar a preocupação e a ansiedade extremas;
  • mantenham as rotinas – esforçando-se por acordar e deitar à mesma hora, fazer exercício físico em casa e preparar refeições que não fujam à dieta;

Seguindo estes conselhos, garantimos que o tempo em casa será mais bem aproveitado e o dever civil será bem mais fácil de cumprir.

 

grupos de risco coronavirus

Pertencer a um grupo de risco, eis o que deves fazer

Enquadrando-se num dos grupos de risco – quer pela idade, quer pelo historial de saúde – torna-se ainda mais indispensável seguir à risca as recomendações de higiene e prevenção acima referidas.

Além disso, é crucial procurar informação precisa e rigorosa, evitando fontes de contrainformação que em nada contribuem para o conhecimento da doença, causando apenas alarmismo e, em muitas pessoas, pânico.

Por fim, é absolutamente necessário manter o dia preenchido por tarefas prazerosas como, por exemplo, ler aquele livro cuja leitura se adiou por falta de tempo, ver o filme que está em lista de espera há já tanto tempo, jogar jogos, escrever ou fazer qualquer outra atividade que dê asas à imaginação e que, de alguma forma, aqueça o coração.

 

doente covid19

Estar doente com Covid-19

Se é um caso confirmado de Covid-19 e está a ser medicamente acompanhado em casa, além dos procedimentos que foram incutidos pelas autoridades de saúde, é certo que se deverão ter, antes de mais, cuidados redobrados para não contagiar ninguém.

Quer isto dizer, que neste caso, a pessoa estará ainda mais sozinha e a ansiedade pode apoderar-se verdadeiramente dela. Para a atenuar é importante não antecipar cenários catastróficos: há que ser realista e estar consciente de que a maioria das pessoas infetadas por Covid-19 se cura.

Além disso, é fundamental manter uma alimentação rica para que o sistema imunitário esteja suficientemente forte para ajudar o organismo a combater eficazmente o vírus.

 

Uma ajuda para combater a ansiedade

Caixa de AnimaFort sobre o escritorio

Se no dia a dia és, em geral, uma pessoa ansiosa e em cenários de crise esta tua vertente tende a agudizar-se, está na altura de experimentares um suplemento alimentar como, por exemplo, o AnimaFort® MULTI.

Enriquecido com vitaminas do complexo B6 e B12, sem glúten, sem lactose e sem glucose, este é o suplemento ideal para te ajudar a controlar os sintomas do stress emocional, da ansiedade, ou até da falta de concentração –  que também te pode faltar se estás a trabalhar remotamente neste período de recolhimento.

Mantenhamo-nos num isolamento saudável nesta luta comum contra o surto de Covid-19. Protejamo-nos e à comunidade!

Partilhar:

AnimaFort MULTI® é um suplemento alimentar em cápsulas vegetais que ajuda a aliviar, de forma natural, a ansiedade, a depressão leve, as insónias e até o stress.

Onde posso encontrar AnimaFort MULTI®?

COMPRAR ONLINE

A partir de 2 caixas, o envio é grátis

300 509 108

De segunda a sexta-feira das 8 ás 16h (telefone fixo nacional)

AMAZON

AnimaFort MULTI também está à venda na Amazon

NA SUA FARMÁCIA
Solicita AnimaFort® com:
  • nome do produto 
  • Se não encontrares o produto desejado na tua farmácia de confiança, lembra que o farmacêutico pode encomendá-lo com o Código Nacional Português: 6330522.
Se não conseguires encontrar o suplemento nas farmácias da tua área, escreve a: consultas@laboratoriosniam.com.

Posts relacionados

AS NOSSAS REDES SOCIAIS

ANIMAFORT MULTI ®

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ansiedade e stress