fbpx

temas sobre a gravidez

POSTS MAIS VISITADOS

Segundo trimestre da gravidez: as grandes dúvidas

Se estás a ler este artigo, provavelmente já chegaste ao primeiro trimestre da gravidez, uma altura que suscita algumas dúvidas às futuras mamãs.

Algumas das mais comuns são:

  • Que exames médicos tenho de fazer?
  • Em que consistem?
  • Quando poderei saber o sexo do bebé?
  • Que desconfortos sentirei?

Anda daí, nós temos as respostas para as tuas perguntas.

Que exames tenho de fazer no segundo trimestre da gravidez?

No segundo trimestre da gravidez deves realizar alguns exames que permitirão avaliar o teu estado de saúde e o do bebé.

E quais são eles?

Midsection of pregnant woman checking blood pressure at home

Pressão arterial

Importante para avaliar o risco de pré-eclâmpsia — que pode levar a restrições no crescimento do feto, podendo mesmo ser fatal — e que pode ser indiciada pela pressão alta.

Contudo, a pré-eclâmpsia é uma condição rara, atingindo apenas cerca de 2% das gravidezes em Portugal.

Verificação da altura uterina

Este exame é indicado por volta das vinte semanas de gestação e serve para avaliar o crescimento do bebé — que cresce juntamente com o teu útero.

Existe uma tolerância de 2 cm para menor e para maior em relação ao valor de referência do crescimento uterino (que deve assemelhar-se ao número de semanas da tua gestação).

Ultrassom morfológico

Trata-se de um exame de imagem, indicado para as 18.ª e a 24.ª semanas e que permite ver o teu bebé e saber como estão a funcionar os seus órgãos.

Este exame também permite identificar eventuais malformações fetais. Além disso, é com ele que poderás saber qual o sexo do bebé que vem a caminho!

Exame de urina

O exame à urina permite identificar a presença de eventuais infeções urinárias ou algum problema que possa afetar o sistema urinário e renal da grávida.

É uma forma de evitar possíveis complicações durante a gravidez ou mesmo durante o parto.

Hemograma

Este é um exame indicado para a 24.ª semana de gestação e serve para perceber se a grávida está com diabetes gestacional.

E como é feito? Como se fosse uma análise ao sangue.

Caso a grávida apresente fatores de risco, este exame pode ser feito mais do que uma vez.

VDRL

A sigla remete para Venereal Disease Research Laboratory. Trata-se de um exame que permite verificar a presença da bactéria responsável pela sífilis — uma doença que pode passar para o bebé e provocar-lhe malformações.

Essa bactérica pode ainda levar a um parto prematuro, entre outras complicações.

Exame à toxoplasmose

O exame à toxoplasmose é feito para perceber se a mulher tem ou não imunidade a esta doença infeciosa causada por um parasita: a toxoplasmose.

Esta doença pode ser adquirida depois da ingestão de água ou de alimentos contaminados ou pelo contacto com gatos que possuam o parasita. Também pode causar malformações no feto e um parto antes de tempo.

Insignia Concevit

Fibronectina fetal

A fibronectina fetal é um exame que tem como propósito perceber se existe risco de parto prematuro entre a 22.ª e a 36.ª semana de gestação através de recolha da secreção vaginal e colo do útero.

Que desconfortos vou ter no segundo trimestre da gravidez?

Esta é outra das perguntas que mais atormenta as grávidas de primeira viagem.

A boa notícia é que no segundo trimestre da gravidez as náuseas, os enjoos e o cansaço tendem a atenuar-se. Por outro lado, como a barriga começa a ficar maior, podem surgir novos incómodos como:

  • ardor de estômago;
  • cãibras noturnas;
  • gases;
  • hemorroides;
  • movimentos fetais sentidos pela mãe.

A importância da suplementação no segundo trimestre da gravidez

Durante esta fase da gravidez deves continuar a tomar o que teu médico te indicar, especialmente o ácido fólico e os suplementos vitamínicos.

De facto, as necessidades do corpo de uma mulher que está a gerar uma vida são diferentes das habituais. Por isso, deves continuar a consumir ácido fólico, ferro, zinco, ómega-3, vitamina C, vitamina D e iodo — já que são fundamentais na formação dos órgãos do bebé.

banner conce

Concevit® e as melhores vitaminas para ti e para o teu bebé

As futuras mamãs precisam de se certificar de que cumprem as exigências nutricionais do seu corpo para terem uma gravidez sem complicações e assegurar o bom desenvolvimento do seu bebé.

Por isso, podes contar com Concevit®, um suplemento alimentar que inclui folato — ácido fólico na sua forma ativa — ferro microencapsulado, iodo, zinco, magnésio, manganésio, selénio entre outros constituintes.

Concevit®, para mãe e bebé saudáveis.

Concevit® é o suplemento alimentar mais completo para futuras mães. Ajuda a atingir os níveis de nutrientes e de vitaminas ideais se estiver à procura de engravidar.

Conheça as histórias fascinantes de outras futuras mamãs que conseguiram alcançar o seu positivo com Concevit®

Ler histórias de sucesso

Onde posso encomendar concevit®?

COMPRAR ONLINE

Pela compra de 2 caixas, o envio é grátis

300 509 108

De segunda a sexta-feira das 8 ás 16h (telefone fixo nacional)

NA SUA FARMÁCIA
Solicita Concevit® com:
  • nome do produto 
  • Se não encontra o produto desejado na sua farmácia de confiança, lembre que o farmacêutico pode encomendá-lo com o Código Nacional Português: 6356949.
Se não consegue encontrar o suplemento nas farmácias da sua área, escreva um email a: consultas@laboratoriosniam.com.

opiniões verificadas CONCEVIT®

Opiniões de clientes sobre Concevit®

A classificação média é 4.57

Baseado em 30 opiniões

24
3
0
2
1
As avaliações são verificadas por
28 / 01 / 2021
Já vou na terceira caixa e estou muito satisfeita
27 / 01 / 2021
Apenas tomo acerca de um mês
Veja mais opiniões
Fechar opiniões
Cargando comentarios

temas sobre a gravidez

POSTS MAIS VISITADOS

AS NOSSAS REDES SOCIAIS

CONCEVIT®

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Concevit para uma gravidez saudável